Negócios
Segunda-feira, 22 de abril de 2024

Curando ressaca dos brasileiros no fim de ano, Novvo prevê faturar R$ 200 mil em dezembro

A – tão aguardada – Copa do Mundo começou. Com chances reais da Seleção Brasileira se tornar hexacampeã mundial, as partidas de futebol desta competição, especialmente, estão sendo esperadas ansiosamente por todo o país há tempos.

E não é só esse grande evento que agita as últimas semanas do ano. Natal, Ano Novo e uma série de eventos voltando a ser realizados presencialmente, depois de anos de pandemia, tem feito com que estes últimos meses de 2022 sejam os mais agitados dos últimos anos. E, onde tem animação, tem bebida: segundo o Centro de Informações sobre Saúde e Álcool (CISA), mais de 26% da população brasileira consome álcool uma ou mais vezes por semana.

Para ajudar os brasileiros a curarem os males da ressaca depois de uma noite agitada, a startup Novvo desenvolveu um suplemento que possui nutrientes com múltiplas funcionalidades para amenizar os sintomas do mal-estar no dia seguinte às celebrações.

Tudo começou depois de um happy-hour longo e agitado. Felipe Rebelatto, CEO e fundador do Novvo, que na época era consultor, acordou no dia seguinte com uma incrível sensação de bem-estar no lugar das esperadas e conhecidas dor de cabeça e indisposição. ”Não entendia o que havia feito de diferente para ter acordado bem naquele dia. Eu tinha certeza que teria um dia improdutivo, mas não. Então, listei tudo o que comi e bebi no dia e na noite anterior: as proteínas, os drinks, a água, os suplementos de performance e decidi repetir aquele ‘ritual’ em outras ocasiões e, novamente, acordei novo”, explica Felipe.

Felipe reuniu todas as informações e começou a estudar as causas e os sintomas da ressaca. Participou de seminários e palestras para tentar entender o processo fisiológico, contratou cientistas, até que, finalmente, descobriu que um ingrediente natural era o responsável pelo bem-estar que sentia.

Por ser um ingrediente natural e sem contraindicações, os estudos realizados não apontaram riscos e ele passou a oferecer e a testar a fórmula com amigos e familiares. Após a surpreendente validação de 82% das pessoas que provaram o produto e lhe deram um retorno positivo, o MVP ficou validado. A partir daí, o empreendedor foi a fundo no projeto em conjunto com laboratórios norte-americanos e cientistas especialistas em biomateriais, toxicologia e genética para compreender melhor a fisiologia e aprimorar as características do produto.

”Em 2016, elaborei e registrei a patente, pois não existia nada igual no mundo. Em 2019, a Anvisa deu a anuência e iniciamos o processo de lançamento. Quando soube que os efeitos benéficos do produto eram sentidos por todos, iniciei os processos de testes independentes e cheguei à conclusão de que precisava lançar o produto no mercado para dar às pessoas a liberdade de celebrarem e curtirem a vida sem maiores preocupações com as obrigações do dia seguinte ou com os efeitos indesejados do álcool no organismo”, diz.

Como estratégia para lançamento, o fundador chamou o empreendedor Rodrigo Hidaka e Thiago Pereira, ex-nadador e medalhista Olímpico dos Jogos Pan-Americanos, que se juntou posteriormente na sociedade. Juntos, eles apostaram em dois grandes eventos que acontecem anualmente no Brasil: o Carnaval da Sapucaí e o Baile da Vogue, ambos no Rio de Janeiro. ”Após dois anos sem festejar, muitas pessoas estão com energia de sobra. Ambos os eventos representaram um início importante para a marca. Distribuimos milhares de packs com o suplemento Novvo nos eventos. Muitos celebraram os sete dias de folia e o desfile das escolas de samba campeãs sem a famosa ressaca”, comenta Rodrigo, CFO da startup.

Crescimento dos negócios

Segundo o CEO, o plano é adquirir mais maturidade nos processos internos de negócio, como a venda pelo e-commerce e investir na expansão externa, disponibilizando o Novvo em pontos de venda físico, como conveniências, supermercados, farmácias e bares. ”Além do site e das redes sociais, em breve estaremos disponíveis em grandes marketplaces e aplicativos como Rappi, Pede Pronto, Daki e iFood, além da entrada em bares, festivais, shows e grandes eventos nas capitais”, destaca.

Neste fim de ano, a empresa planeja alavancar as vendas em 350% e atingir R$ 200 mil de faturamento em dezembro. De acordo com o CSO da Novvo, Thiago Pereira: ”nosso principal diferencial é a tecnologia molecular própria, que aumenta a capacidade de absorção de aldeídos, possibilitando a neutralização do acetaldeído, principal toxina causadora dos sintomas da ressaca. Além de ajudar a absorver os aldeídos, o Novvo também possui em sua composição outras substâncias que ajudam na anti-oxidação e na proteção do organismo contra radicais livres. São características técnicas específicas, patenteadas e de fornecimento exclusivo, as quais fazem com que o Novvo seja único no mundo”.

A ressaca é uma reação complexa do corpo humano às toxinas do álcool. Os empreendedores realçam que o consumo de álcool interage de formas diferentes em cada organismo e é por isso que existem diferentes sugestões e tratamentos.

Por isso, curta as festas, aproveite os eventos, mas beba com moderação. Se for ingerir o Novvo, recomenda-se que sejam tomadas três cápsulas antes de beber e, caso a festa dure a noite toda, depois de 7 horas pode-se reforçar a dose.

Fonte: Startupi