Cultura
Sexta-feira, 19 de julho de 2024

Bienal do Livro de SP volta atrás e anuncia edição online para dezembro

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Bienal do Livro de São Paulo, que tinha anunciado em junho o cancelamento da edição deste ano por causa da pandemia, divulgou comunicado nesta quinta afirmando que terá uma edição totalmente online ainda em 2020.
Uma plataforma virtual, organizada pela Câmara Brasileira do Livro, vai ao ar de 7 a 13 de dezembro e traz adaptações da tradicional feira física, como o Salão das Ideias e a Arena Virtual.
Será possível comprar livros, participar de bate-papo com autores e fazer negócios -a Bienal é um dos maiores eventos literários do país e um importante marco no calendário do mercado editorial.
“Pela primeira vez, pessoas de todos os lugares do Brasil e do mundo poderão participar dessa grande festa”, disse, em nota, o presidente da CBL, Vitor Tavares. Ele afirma esperar um contingente de até 1 milhão de visitantes e 150 expositores.
A feira costuma receber ao redor de 600 mil pessoas a cada edição, ou seja, a expectativa é de uma ampliação de público.
O evento estava originalmente marcado para acontecer de 30 de outubro a 8 de novembro no Expo Center Norte e, segundo o que havia sido divulgado pela CBL há três meses, diante da crise do coronavírus, só voltaria a acontecer em 2022.