Destaques
Sábado, 18 de maio de 2024

Brasil pode perder R$1,7 tri em capital humano sem ações contra pandemia

O número é resultado de cálculo de economistas do Insper e equivale a 23% do PIB do Brasil em 2019

Com o país chegando a mais de 50 mil mortes por covid-19, economistas do Insper elaboraram cálculos para projetar as perdas da economia brasileira na ausência de medidas de proteção à vida. E o custo da falta de ação contra a pandemia pode ser alto: o Brasil poderá perder R$ 1,7 trilhão em capital humano.

Segundo os pesquisadores, o valor equivale a 23% do PIB do Brasil em 2019. O número foi elaborado por Ricardo Paes de Barros, professor titular da Cátedra Instituto Ayrton Senna no Insper, e pela economista Laura Müller Machado, do Insper.

Os economistas trabalham com duas premissas no estudo: o que aconteceria caso nenhuma ação fosse tomada para conter o contágio pelo vírus, como a paralisação do comércio e suspensão de aulas, e se a contaminação atingisse de três quartos da população brasileira. Nesse exercício, eles projetam 965 mil mortes, sendo 79% do grupo acima de 60 anos.

Considerando os anos perdidos de vida, os economistas calcularam a grande perda de capital humano. Segundo Paes de Barros, “exercício mostra que vale a pena a atual parada na economia para proteger vidas”.

Paes de Barros também considera que será necessário buscar formas futuras para compensar as medidas para preservar vidas durante a pandemia, pois os jovens podem perder renda ao longo da vida devido ao atraso no desenvolvimento educacional.

Fonte: Exame